Com 4.273 novas vagas de empregos em janeiro, Goiânia é a segunda capital no país em contratações formais

Goiânia é a segunda capital do país com maior crescimento no saldo de trabalhadores registrados no mês de janeiro de 2022. Foram 25.437 admissões contra 21.164 desligamentos, o que gerou 4.273 novas contratações formais. Com isso, a capital teve acréscimo de 0,92%, em relação a dezembro de 2021.

“Nosso intuito é avançar ainda mais na oferta de emprego, uma de nossas projeções para a retomada pós-pandemia”, afirma o prefeito Rogério Cruz (Republicanos).

Nos últimos 12 meses, o saldo foi de 34.419 contratações, o que representa crescimento de 7,93%, de acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

“A prefeitura atua para mitigar o impacto da pandemia de Covid-19 na economia, e os números mostram que estamos no caminho certo. Estamos otimistas com o avanço da vacinação e a diminuição da ocupação de leitos, e acreditamos que este será o ano da retomada, com mais emprego e renda para a nossa população”, ressalta Rogério Cruz.

O titular da Sedec, Michel Magul, avalia o saldo como muito positivo. “A Prefeitura de Goiânia não mede esforços para oferecer ambiente favorável ao desenvolvimento econômico da capital”, afirma.

Ranking
Entre as capitais, Curitiba (PR) foi a que obteve melhor saldo na geração de empregos no mês de janeiro de 2022, com crescimento de 1,01%, seguida de perto por Goiânia, com 0,92%. Florianópolis (SC) ficou na terceira colocação, com 0,88%, com Salvador (BA) e Macapá (AP) dividindo a quinta posição, ambas com 0,81% de crescimento. (Foto: Jackson Rodrigues)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s