Goiânia foi a capital que mais arrecadou IPTU no Centro-Oeste em 2020

Levantamento do anuário Multi Cidades – Finanças dos Municípios do Brasil aponta a arrecadação do conjunto das cidades do Centro-Oeste com o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e detalha os dados das sete mais populosas de cada estado da região, em 2020. Entre as capitais, Goiânia (GO) saiu na frente com R$ 720,2 milhões arrecadados no ano, seguida por Campo Grande (MS), com R$ 505,5 milhões, e Cuiabá (MT), com R$ 210,9 milhões. 

A publicação, que analisa diversos outros indicadores das receitas e despesas das cidades, é uma iniciativa da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), com patrocínio da Huawei e da Tecno It. Todos os valores foram corrigidos pela inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) do IBGE.

Percentualmente, Dourados (MS) foi a cidade que registrou o maior aumento entre as sete selecionadas, de 8,8% na receita arrecadada com o IPTU, se comparada ao ano anterior. Goiânia ficou com o recolhimento praticamente estável no período, com variação de apenas 1%. Os demais municípios avaliados tiveram retração na arrecadação que inclui a receita da dívida ativa, juros e multas coletados em relação ao IPTU.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s