Ecovias do Araguaia realiza serviços iniciais na BR-153/TO/GO; socorro médico e mecânico fica para 2022

A Ecovias do Araguaia, nova unidade da EcoRodovias em consórcio com a GLP, iniciou na última semana os primeiros trabalhos na BR-153/TO/GO, uma das principais ligações entre o Meio-Norte e o Centro-Sul do país, e BR-080/414/GO. São atividades de conservação como roçadas, limpeza de pista e dos sistemas de drenagem para garantir mais visibilidade das áreas.

Os trabalhos iniciais já são parte dos primeiros investimentos delegados pelo Governo Federal nos estados de Goiás e Tocantins à Ecovias do Araguaia, que assumiu o compromisso de investir R$ 7,8 bilhões em obras, além de outros R$ 6,2 bilhões relativos a custos operacionais, conforme estimativas do Governo. De acordo com a empresa, nos dois primeiros anos, as rodovias devem ser colocadas em padrão de excelência e, no terceiro ano, serão entregues as primeiras duplicações.

Ao todo, serão 622 quilômetros de duplicações – 57% com previsão de conclusão até o décimo ano de contrato. Entre as obras de ampliação, a concessionária irá implantar 144 novos retornos, 42 dispositivos de interconexão, 27 quilômetros de faixas adicionais, 16 novos acessos e a implantação de 6 quilômetros de novas pistas na construção do Contorno de Corumbá. Nos trechos urbanos, serão 19 passarelas para pedestres e 110 pontos de ônibus, além da iluminação de travessias urbanas e a implantação de 90 quilômetros de vias marginais. Serão construídos, ainda, dois pontos de paradas e descanso para maior segurança de motoristas de caminhão.

Atendimentos operacionais

O início dos atendimentos operacionais da Ecovias do Araguaia está previsto para abril de 2022. A partir desta data, a concessionária passará a prestar socorro médico e mecânico com equipe especializada e estrutura composta por 20 ambulâncias e 14 guinchos exclusivos para o trecho – ao todo serão mais de 50 veículos operacionais alocados em 19 bases da Ecovias do Araguaia. O monitoramento das ocorrências, previsto para outubro de 2022, será feito a partir de um moderno Centro de Controle Operacional com funcionamento 24 horas por dia, sete dias por semana. A concessionária irá adotar, ainda, a metodologia iRap (International Road Assessment Program – iRap), um programa inovador de segurança viária com foco na redução de acidentes e de risco de mortes nas rodovias.

O trecho concedido atravessa 38 municípios nos estados de Tocantins e Goiás, com a seguinte distribuição:

– Rodovia BR-153/TO/GO, entre Aliança do Tocantins e Anápolis, com 624,1 quilômetros;

– Rodovia BR-080/GO, entre Uruaçu e Assunção de Goiás (BR-414), com 87 quilômetros;

– Rodovia BR-414/GO, entre Assunção de Goiás e Anápolis, com 139,6 quilômetros.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s